Medo? Qual medo?

Há algum tempo ( para não dizer muito tempo…) que andava para tomar uma decisão que irá mudar o rumo da minha vida. É uma decisão que traz consigo mudança de hábitos e no relacionamento com algumas pessoas à minha volta.

Por isso estava indecisa quanto ao que fazer e ao como fazer. Sim, porque o modo como se fazem as coisas pode ser um factor facilitador ou criar ainda mais dificuldades.

No entanto, o medo das consequências era o que verdadeiramente me estava a impedir de tomar esta decisão cujo amadurecimento durou quase 3 anos. Imaginam o que é estar 3 anos a ponderar uma mudança na vida? 🙂 Mas de facto o medo pode paralisar; cria dificuldades onde elas não estão; vemos cenários obscuros, em locais onde o sol brilha todos os dias, etc.

O que aprendi foi que para tomar decisões que implicam vencer o medo, o ideal mesmo é estar certo do que se quer fazer e agir o quanto antes, pois se começamos a ponderar todos os pós e contras vamos atrasar a mudança e arrastar-nos para a ansiedade e um medo ainda maior. Precisamos estar certos de que se a decisão é certa, a vida nos dará as condições para que tudo corra bem!

 

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s