4 passos para a mudança

No início do ano encontram-se dicas por todo o lado para fazer do ano seguinte um conjunto de semanas melhores. Há truques para conseguir os mais variados objectivos em todos os sites e diversos livros.

Penso que a mudança pode operar-se quando quisermos. No entanto, há alturas que podem ser mais facilitadoras, como o início de um novo ano ou o regresso de férias.

Deixo 4 DICAS, que pode fazer num mês, que me pareceram importantes entre tantas sugestões a que tive acesso.

» SEMANA 1: libertar espaço.

Aqui podemos libertar espaço físico, livrando-nos de coisas que não interessam, que já estão fora de prazo, roupas e acessórios que estão apenas noa rmário porque não nos conseguimos libertar delas emocionalmente… Mas há também que libertar a mente e o corpo de todas as coisas tóxicas. Aqui, para além de uma boa e equilibrada alimentação e da ingestão de muita água, deve guardar diariamente uns minutos para si, para parar, para reflectir, para projectar, para se perdoar, para se reequilibrar consigo. Escolha o método que lhe parecer melhor, mas a mdeitação é sempre uma boa sugestão.

» SEMANA 2: organizar a vida.

As agendas são úteis para nos recordarem todas as obrigações diárias. Mas, não terá mais tempo que o meramente obrigatório para ocupar ao longo do dia?

O que faz nos seus tempos livres? Pense nas coisas que gosta e encontre tempo diariamente para fazer pelo menos uma dessas coisas, quer seja aprender uma língua, tocar um instrumento, desenhar, fazer uma caminhada…

» SEMANA 3: escreva os seus sonhos.

Não me refiro aos seus objectivos profissionais ou à lista que organizou na semana anterior.

Refiro-me a coisas extravagantes. Já pensou como seria ir á lua? Alguma vez de imaginou a dar conferências a nível mundial, ou a inventar alguma coisa científica que fizesse a diferença? O que gostaria de facto de fazer, se não tivesse nenhuma barreira, preconceito ou limitação?

Escreva tudo isso e reveja regularmente. Verá que, com muita surpresa, os seus sonhos não são coisas assim tão extravagntes quanto isso e só tem de por pés ao caminho para lá chegar.

» SEMANA 4: enfrentar os medos.

Não consegue ir sozinha a lado nenhum? Pois vá áquela que ouviu falar no metro um destes dias.

Não gosta de alturas? Porque não experimenta andar de helicóptero?

O seu chefe é um pesadelo? Vá ter com ele e proponha um projecto novo.

Muitas vezes os resultados podem não ser imediatamente visíveis, mas só o tentar ir além desses medos, já é uma vitória. Ter mentalidade vencedora quando se está a perder é o que diferencia uma pessoa corajosa de uma derrotista.

E, lembre-se, escreva as suas conquistas num caderno, para que se possa relembrar de tudo o que já conseguiu, especialmente nos momentos mais difíceis.

taking-a-risk

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s